Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 18 de October de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Professor fez empréstimo em nome de mulher que mantinha como escrava

Por DOL
Publicado em 31 de dezembro de 2020 às 01:08H

Compartilhe:

Apesar de já estar livre da família Milagres Rigueira, na qual viveu 38 anos em situação análoga à escravidão, Madalena Gordiano ainda não pôde desfrutar integralmente da pensão a que tem direito desde que o marido morreu, em 2003.

Além de controlar toda a renda de Madalena durante quase duas décadas, o professor universitário Dalton César Milagres Rigueira fez dois empréstimos consignados no Banco do Brasil, no nome de Madalena, com uma dívida restante de R$ 18,5 mil a ser paga.

Casada em 2001 com Marino Lopes da Costa — tio de Valdirene Lopes Rigueira, esposa de Dalton—, Madalena recebe duas pensões no total de R$ 8,4 mil bruto desde 2003, quando o marido, ex-combatente da 2ª Guerra, morreu aos 80 anos.

Embora tivesse conhecimento de seu direito, ela nunca administrou o dinheiro e também não recebia salário pelos serviços prestados à família.

Por conta deste empréstimo, Dalton pode ser denunciado por estelionato. Por enquanto, ele e sua mãe, Maria das Graças Milagres Rigueira, respondem por terem mantido Madalena durante 38 anos sob regime análogo à escravidão nas cidades de São Miguel do Anta, Viçosa e Patos de Minas, em Minas Gerais.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend