Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 27 de October de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Suzane von Richthofen é aprovada no Fies em faculdade de Taubaté (SP)

Por Uol
Publicado em 14 de fevereiro de 2017 às 09:46H

Compartilhe:

Suzane von Richthofen, condenada a 39 anos de prisão pelo assassinato dos pais, em 2002, poderá sair da prisão para fazer administração de empresas com financiamento do governo federal.

Ela está na lista dos candidatos aprovados pelo Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) e pode obter recursos do programa para custear a faculdade. A lista de pré-selecionados foi divulgada na tarde desta segunda-feira (13).

Suzane se cadastrou para fazer administração no período noturno da faculdade católica Dehoniana em Taubaté (SP). O curso é presencial e tem duração de oito semestres.

Reprodução/Fies
Suzane Richthofen é selecionada no Fies para cursar faculdade católica
Suzane Richthofen é selecionada no Fies para cursar faculdade católica

A detenta entrou na lista do Fies graças ao desempenho no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio). Em abril de 2016, a Justiça autorizou Suzane a cursar administração em outra faculdade da cidade. Ela havia pedido autorização para ingressar na Universidade Anhanguera de Taubaté sob o argumento de que custearia a graduação com sua própria renda do trabalho na prisão.

Em 2015 ela passou para o regime semiaberto e, em outubro, a Justiça autorizou a frequentar faculdade. Ela tem até o dia 20 de fevereiro para confirmar a inscrição no curso.

O CRIME

Suzane, seu ex-namorado Daniel Cravinhos e o irmão dele, Christian, foram condenados pelos assassinatos de Manfred e Marísia von Richthofen, ocorridos em 2002. Os irmãos Cravinhos estão no regime semiaberto desde 2013.

Há um ano, a Justiça de São Paulo determinou que a herança da família Von Richthofen seja entregue apenas ao irmão de Suzane, Andreas Albert von Richthofen. Na sentença, o juiz determinou que ela deveria ser excluída da partilha dos bens por considerá-la “indigna”. A herança é calculada em mais de R$ 3 milhões.

Em 2014, Suzane se casou com Sandra Regina Gomes, condenada a 27 anos pelo sequestro e morte de um adolescente em Mogi das Cruzes (SP). Mas Sandrão, como é conhecida, conseguiu a progressão para o semiaberto em fevereiro de 2015 e se mudou para outra unidade prisional, em São José dos Campos.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend