Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 25 de October de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Especialistas explicam como cães podem identificar casos da covid-19

Por SBT News
Publicado em 25 de maio de 2021 às 23:05H

Compartilhe:
Cães farejadores conseguem detectar com até 94,3% de precisão | Neil Pollock/Medical Detection Dogs

Os cães, conhecidos por sua poderosa capacidade olfativa e pela fiel companhia, podem ser aliados poderosos no combate à pandemia do novo coronavírus. De acordo com um estudo conduzido pela Escola de Higiene e Medicina Tropical de Londres (LSHTM) em parceira com a instituição de caridade britânica Medical Detection Dogs e a Durham University, o “melhor amigo do homem” é capaz de detectar com 94,3% de precisão casos de pessoas infectadas com o vírus Sars-CoV-2. 

A primeira etapa da pesquisa, realizada na Inglaterra, foi baseada em um treinamento que durou várias semanas. Nessa fase da avaliação, os cães eram levados até algumas amostras para identificar quais eram as contaminadas e ignorar aquelas que não apresentavam vestígios do vírus. Ao acertarem, os animais eram recompensados. 

O professor James Logan, da Escola de Medicina Tropical de Londres, afirmou que os cães possuem uma capacidade olfativa bastante eficaz. “O que é realmente incrível é que eles podem fazer isso (detectar) muito rapidamente. E cada cachorro pode inspecionar até 300 pessoas por hora”, disse.

Em outros países, projetos semelhantes têm apresentado resultados animadores, como na Tailândia. No país asiático, um teste feito com pedaços de algodão — que continham o suor de pessoas que estavam ou não infectadas — foi realizado com cães. 

Entretanto, a  pesquisadora Kaywalee Chatdarong, chefe da pesquisa na Universidade Chulalongkorn, ressalta que os resultados precisam ser checados com exames convencionais em laboratório. 

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend