Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 26 de January de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

UFPA diz que não adotará educacão a distância durante pandemia da covid-19

Por ORM
Publicado em 23 de março de 2020 às 15:48H

Compartilhe:

A Universidade Federal do Pará (UFPA) confirmou esta segunda-feira (23) que não adotará medidas para implementar o modelo de educacão a distância, conforme sugerido pelo governo federal, durante a suspensão de atividades acadêmicas na instituicão, em vigor desde 19 de março, como medidas frente à pandemia da covid-19 e o avanço do coronavírus no Brasil.

A UFPA diz que não teve tempo para se planejar para essa situação e lembra que vários professores da instituição, que tem campi em vários municípios do Pará, não têm equipamentos necessários para efetivarem atividades acadêmicas a distância.

Veja a íntegra da nota, divulgada no site da universidade.

A Reitoria da UFPA informa que:

1) O calendário acadêmico da instituição está suspenso a partir de 19 de março. Será necessário, após o retorno às atividades, definir um novo calendário acadêmico para o ano de 2020, algo que não pode ser antecipado neste momento.

2) A UFPA não adotará o modelo de Educação a Distância (EaD) para dar andamento ao período letivo 2020/2, principalmente, porque não houve planejamento prévio para tal. Além disso, nem todos os discentes dispõem dos equipamentos necessários para seguir com o trabalho em ambiente virtual.

3) Tarefas que tenham sido programadas e realizadas a distância a partir da suspensão do calendário serão objeto de apreciação por cada Faculdade no momento de retomada das aulas presenciais, sem prejuízo do cumprimento integral das atividades presenciais previstas no planejamento acadêmico inicial. É recomendado que novas tarefas não sejam programadas, visto que muitos discentes retornaram para as suas localidades de origem e não terão acesso às informações que venham a ser doravante divulgadas.

As atividades acadêmicas e administrativas presenciais foram suspensas em todos os seus campi, na Universidade Federal do Pará, desde o último dia 19. A medida foi necessária para enfrentar o risco de propagação da COVID-19, doença causada pelo novo coronavírus. Segundo a reitoria da universidade, várias providências estão sendo tomadas, desde então, com o propósito de garantir a saúde de todas as pessoas e a orientação da comunidade acerca do funcionamento da instituição.

No momento da suspensão das atividades, as unidades acadêmicas foram autorizadas a programar, quando possível, tarefas a serem realizadas a distância (não a manutenção do ensino em ambiente virtual). Após esse anúncio, o Ministério da Educação, por meio da Portaria 343/2020, autorizou “a substituição das disciplinas presenciais, em andamento, por aulas que utilizem meios e tecnologias de informação e comunicação, nos limites estabelecidos pela legislação em vigor”. O anúncio da autorização do MEC deu origem a diversas indagações sobre a posição adotada pela UFPA.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend