Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 20 de April de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

‘Todos em Casa pela Educação’ aumenta audiência da Rede Cultura de Comunicação

Por Agência Pará
Publicado em 06 de abril de 2020 às 06:14H

Compartilhe:
Aulas em casa: aplicativo também foi desenvolvido para aparelhos móveis

“A audiência da TV Cultura triplica. Nos dois primeiros dias, ficamos em terceiro lugar na audiência durante meia hora”. Os números são compartilhados pelo presidente da Fundação Paraense de Radiodifusão (Funtelpa), Hilbert Nascimento, ao falar da audiência durante a exibição do projeto ‘Todos em Casa pela Educação’, na televisão pelo canal 2.1 da TV Cultura, em Belém, e na Rede Cultura de Comunicação que cobre 108 municípios do estado.

Lançado na última segunda-feira (30), o projeto desenvolvido pelo Governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Educação (Seduc) e Funtelpa, responsável pela Cultura Rede de Comunicação, garantiu um crescimento na audiência das plataformas de transmissão. A média de pessoas conectadas no Portal Cultura era de 80 pessoas, agora alcança 700 no horário das aulas.

Além da transmissão pela Tv, Portal Cultura ou página oficial no Facebook, um aplicativo também foi desenvolvido para aparelhos móveis. “O App já estava pronto, mas aguardava a liberação da Apple para o sistema operacional iOS também. Aí resolvemos antecipar, já que os alunos da rede pública (pelo menos 90%) têm celulares com sistema Android. Antes do projeto, 600 pessoas tinham instalado o aplicativo. Após o lançamento do programa, já chegamos a 35.790 adquiridos, mas estamos com mais de 27 mil instalações ativas”, comemorou o presidente da Funtelpa.

Aluno pode acompanhar em tempo real ou assistir posteriormente as aulas que ficam salvas na plataformaFoto: Ascom Seduc / Eliseu Dias

A facilidade no manuseio é um dos atrativos; a aparência traz dois ícones com a opção de assistir a aula no horário da exibição na TV ou transmissões anteriores. A experiência foi aprovada por Deyvid Vasconcelos, 18 anos, estudante do 3º ano do Ensino Médio na Escola Albanísia de Oliveira Lima, no bairro do Marco. “Eu achei muito produtivo porque, às vezes, a gente não pode assistir no horário da aula e assiste depois, com a opção de aulas anteriores. Aproveito bastante, é uma ótima ferramenta, bastante acessível. O conteúdo está ajudando demais, esclarecendo dúvidas que a gente não tinha conseguido tirar anteriormente dos assuntos”, avaliou o aluno.

Educação remota – As aulas presenciais estão suspensas desde o dia 18 de março, em virtude do distanciamento social imposto pela pandemia do novo coronavírus. “Essa oportunidade do ‘Todos em Casa pela Educação’ é para que esse aluno tenha acréscimo do seu conhecimento e não tenha prejuízo pelo o que deixou de aprender neste período”, explicou Elieth de Fátima Braga, titular da Seduc.

A produção prévia dos conteúdos foi possível pelo Sistema de Educação Integrada (SEI), que já gerava aulas ao vivo para diversas localidades do estado. Nos primeiros dias, as aulas foram exibidas com o que já havia sido produzido e transmitido, o que permitiu agilidade nessa fase de contingenciamento pela pandemia.

As aulas vão ao ar de segunda à sexta-feira, em dois momentos: de 15h30 às 16h30 aulas para o Ensino Fundamental, mais focada em Português e Matemática; a segunda parte começa às 16h30 e segue até 17h30, para o ensino médio. Após a exibição do conteúdo gravado, o aluno interage ao vivo com uma equipe de professores pelo WhatsApp (91) 98449 8449. No próximo sábado (11), começa a exibição do ‘Todos em Casa pela Educação’ em preparação ao Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), ao vivo.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend