Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 18 de January de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Número de candidatos a prefeito, vice e vereador sobe para 23.204 no Pará

Por ORM
Publicado em 01 de outubro de 2020 às 06:20H

Compartilhe:
(José Cruz/Agência Brasil)

O número de candidatos a prefeito, vice-prefeito ou vereador, no Pará, nas eleições desse ano, subiu de 20.610 para 23.204, aumento de 12,5%, de acordo com as estatísticas divulgadas pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Atualmente, 21.885 pessoas tentam ocupam um das 1.770 cadeiras de vereador nas Câmaras Municipais de Pará e outros 659 querem chegar ao posto de prefeito. Em 2016, no Pará, eram 19.498 candidatos a uma vaga no Poder Legislativo e 549 à chefia do Poder Executivo.

“Está dentro do esperado, no caso de prefeito foi um pouco além, mas em relação a vereador, a gente esperava que tivesse um aumento, porque teve a proibição da realização de coligações proporcionais. Então, os partidos não podem mais se coligar para vereador, mas apresentaram candidatos de forma isolada”, ressaltou o coordenador da Secretaria Judiciária do Tribunal Regional Eleitoral do Pará (TRE/PA), Vespasiano Neto.

Passado o período de cadastro dos candidatos pelos partidos e coligações, o próximo passo é a publicação dos editais de registros, que servem para abrir prazo para impugnação dos candidatos. Pelo novo calendário eleitoral, o último dia para a Justiça Eleitoral publicar edital dos pedidos de registro de candidatos apresentados pelos partidos políticos ou coligações foi na terça-feira (29).

Até cinco dias depois da publicação do edital – tendo como prazo máximo 4 de outubro – qualquer candidato, partido político, coligação ou o Ministério Público pode impugnar o pedido de registro. Nesse mesmo período, o cidadão pode apresentar notícia de inelegibilidade de candidato

“Qualquer eleitor pode apresentar notícia de inelegibilidade e Ministério Público, partidos políticos e outros candidatos podem apresentar ação de impugnação de candidatura. Esses pedidos serão analisados pelos juízes eleitorais”, explica Vespasiano. Todos os processos precisam estar julgados até 26 de outubro para que possa ter um prazo definido para inclusão das informações na urna eletrônica. “Mas é natural que em algumas situações haja recursos e esses recursos serão analisados pelas instâncias superiores. Normalmente, os candidatos que caem nessa situação concorrem sub judice”, completou o coordenador da Secretaria Judiciária.

Os dados dos candidatos, por município, inclusive eleições anteriores que ele disputou, lista de bens declarados, e propostas de governo dos que tentam chegar à Prefeitura, podem ser acessados pelo eleitor no Sistema de Divulgação de Candidaturas disponibilizado pelo TSE.

ESTATÍSTICAS

Conforme as estatísticas do TSE, a grande maioria dos candidatos nas eleições municipais desse ano, no Pará, é do sexo masculino (66,5%), contra 33,5% do sexo feminino. Em geral, os candidatos têm, em sua maioria, de 40 a 44 anos (17,97%); de 35 a 39 anos (16,58%); e de 45 a 49 anos (16,29%). Apenas 253 candidatos têm mais de 70 anos. Outros 31 têm 18 anos e 64 têm 19 anos.

Em relação a cor/raça, 68,57% se declararam pardos, 18,17% bancos e 10,79% pretos.

Quanto ao grau de instrução, 38,07% têm ensino médio completo, 22,51% têm ensino superior completo e 13,68% ensino superior incompleto.

Os dados mostram, ainda, que há 1.374 servidores públicos municipais na disputa, o que representa 5,92% do total. Outros 2.387 candidatos são agricultores; 1.147 são vereadores; e 1.085 comerciantes. Há ainda 972 professores de ensino fundamental e 911 empresários participando da corrida eleitoral no estado do Pará.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend