A apreensão é o resultado de várias denúncias recebidas nos últimos meses. Segundo o delegado Walney Alexandre no local haviam várias toras de madeira, grande parte delas eram castanheiras que está em extinção.

Ao chegarem em uma serraria no Km 4, houve confronto e até troca de tiros. A polícia fez buscas pelo local e muitas pessoas correram e se evadiram na mata.

Durante a operação a polícia suspeitou que um veículo estaria sendo usado para locomoção de pessoas ligadas a atividade ilegal, houve perseguição e no interior do automóvel foram encontradas duas armas de fogo. Os ocupantes foram presos e encaminhados a delegacia junto com as armas apreendidas.

Um caminhão que ainda estava carregado foi apreendido, entre as madeiras, toras de castanheira. O condutor também foi preso por não apresentar nenhum documento da carga. Ao todo 7 pessoas foram conduzidas a delegacia. Duas foram ouvidas e liberadas outras duas foram presas por porte ilegal de arma de fogo e três por envolvimento em extração ilegal de madeira.

As investigações continuam e novas prisões não estão descartadas.