Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 22 de September de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Manchas de óleo atingem a praia de Canoa Quebrada, um dos principais destinos turísticos do Ceará

Por G1
Publicado em 24 de outubro de 2019 às 12:30H

Compartilhe:

As manchas de óleo que atingem o litoral do Nordeste chegaram à praia de Canoa Quebrada, no município de Aracati, um dos principais destinos turístico do litoral cearense. Segundo a Prefeitura de Aracati, uma ação emergencial já retirou cerca de 700 kg da substância.

O óleo cru foi visto por moradores em diversos pontos da praia nesta quinta-feira (23). A Prefeitura de Aracati informou que, após o surgimento da substância, a Marinha do Brasil foi ao local e retirou o óleo que estava na areai e na água da praia. Voluntários também participaram da limpeza do litoral. 

“Com intervenção da Marinha, por meio da Capitania dos Portos de Aracati, foram retiradas cerca de 700 quilos de óleo da praia, os quais já foram devidamente recolhidos pela prefeitura e será levado para análise em Fortaleza. O restante do óleo que se visualizou ontem no mar, não chegou a encalhar na faixa de praia, mas poderá ocorrer hoje à tarde ou pode estar encalhando em outras praias vizinhas de municípios da região”, comunicou. 

A prefeitura acrescentou que, após o trabalho de limpeza, a substância não retornou à praia de Canoa Quebrada nesta quinta-feira (24). 

“Agora pela manhã as praias na faixa do município de Aracati estão limpas, porém, nosso monitoramento continua com auxílio da comunidade e, a qualquer momento, nossos meios e pessoal podem ser acionados para retirada que mais óleo”, informou. 

Praias turísticas afetadas

Além de Canoa Quebrada, duas praias de Icapuí foram afetadas pelo óleo nesta semana nesta semana. Pescadores se uniram para tentar fazer a limpeza nas areias das praias Ponta Grossa e Redonda, da cidade Icapuí, no Ceará. A mancha foi vista também seis quilômetros no mar de Icapuí, conforme Instituto Municipal de Fiscalização e Licenciamento Ambiental (Imfla). 

As manchas de petróleo em praias do Nordeste já atingiram pelo menos 225 localidades em mais de 80 municípios de 9 estados desde o início de setembro – o balanço mais recente do governo é desta segunda (21). A substância é a mesma em todos os locais: petróleo cru. O fenômeno tem afetado a vida de animais marinhos e causado impactos nas cidades litorâneas. A origem do material poluente está sob investigação. 

O balanço de 21 de outubro aponta que são 200 locais em 78 municípios de 9 estados: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend