Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 03 de March de 2024
Sistema Floresta

Polícia Civil deflagra operação de combate estelionato por fraude eletrônica em Icoaraci

Por Agência Pará
Publicado em 07 de julho de 2023 às 10:58H

Compartilhe:

Golpe consistia em alugar supostos imóveis no litoral do Ceará, através de uma plataforma de negócios na internet

A Polícia Civil do Pará deflagrou na manhã de quinta-feira (06), a primeira fase da ‘Operação Litorânea’, que cumpriu três mandados de buscas e apreensão, oriundos de investigações de crimes de estelionato por meio de fraude eletrônica, através de aluguel de imóveis na temporada de veraneio em Fortaleza, no Ceará. A ação simultânea ocorreu em resistências no bairro Cohab e no residencial Quinta dos Paricás, em Icoaraci, distrito de Belém.

Segundo o delegado João Amorim, da Divisão de Combate a Crimes Econômicos e Patrimoniais Praticados por Meios Cibernéticos, as denúncias são oriundas de ocorrência registradas por paraenses no nordeste do país.

“As vítimas procuraram a Delegacia de Turismo da PC do Ceará para comunicar que haviam negociado o aluguel de apartamentos no litoral do Estado, através da plataforma OLX, contudo ao chegar no local de destino perceberam que haviam caído em um golpe, causando transtorno e prejuízos financeiros que giravam em torno de R$ 1.000,00 por cada vítima, que transferiram o valor como entrada para reserva dos imóveis”, contou o delegado.

Durante o cumprimento dos mandados em Icoaraci, foram apreendidos diversos documentos, caderno com anotações referentes aos golpes, cartões bancários em nomes de terceiros, máquinas de cartões de crédito, assim como vários chips de aparelhos celulares, os quais foram utilizados para aplicar os golpes.

Alerta – A delegada Vanessa Lee, titular da Diretoria Estadual de Combate a Crimes Cibernéticos (DECCC) da PCPA, deu dicas de segurança para evitar cair em golpes semelhantes.

“Orientamos a população que atentem para ofertas de valores abaixo do mercado e promoções repentinas. O ideal é fazer contato com estabelecimentos próximo ao local de desejo de aluguel e levantar informações sobre o imóvel. Outra dica importante é celebrar contrato para garantir a segurança jurídica e obter maior quantidade de informações sobre a proposta de aluguel”, pontuou.

Os objetos apreendidos serão encaminhados para a Polícia Científica do Estado Pará para o total esclarecimento dos fatos.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend