Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 27 de January de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Brasil está na “pior situação do mundo” e pode dobrar número de mortes até domingo, diz estudo

Por Dol
Publicado em 30 de abril de 2020 às 10:34H

Compartilhe:

O número de mortes pela Covid-19 no Brasil pode dobrar até este domingo (3), chegando a 9,7 mil. Foi o que projetou um estudo feito pelo Imperial College de Londres.

Segundo o levantamento com 48 nações, o número de óbitos deverá ser “muito alto” (acima de 5 mil) em só dois países, Brasil e Estados Unidos.

Em uma previsão menos pessimista, os cientistas previam 5,6 mil óbitos até o fim desta semana no Brasil – nessa quarta, o Ministério da Saúde contabilizava 5.466. Já os números previstos para os EUA são maiores, de 13 mil a 15 mil, mas por lá a epidemia já está se estabilizando.

O estudo do Imperial College de Londres revela ainda, que o Brasil tem a pior situação no mundo, com o número de casos “em provável crescimento” e um registro “muito grande” de óbitos.

A pior previsão é para nove países em que a epidemia ainda se encontra “em provável crescimento”, o que inclui Brasil, Canadá, Índia, México e Rússia.

Segundo o estudo, o Brasil tem o maior número de reprodução de casos – cada doente transmite para aproximadamente três outros, forte indício de que a velocidade do crescimento da infecção é alto.

O Imperial College é uma das mais conceituadas instituições em modelagem matemática e vem publicando projeções desde que a epidemia chegou à Europa.

No entanto, o presidente Jair Bolsonaro parece ainda não estar convencido de que o isolamento social é necessário para evitar uma catástrofe. Ele tem defendido afrouxar as quarentenas para reabrir a economia e ampliou, na última quarta-feira (29), a lista de atividades consideradas essenciais, incluindo até startups e serviços de locação de veículos.Saiba mais sobre o número de infectados pela Covid-19 no Pará, neste link.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend