Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 26 de July de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Hospital de campanha no Hangar fica pronto na segunda-feira

Por ORM
Publicado em 04 de abril de 2020 às 10:43H

Compartilhe:
Com 70% da estrutura pronta, unidade terá 420 leitos. | Wagner Santana

Até a próxima segunda-feira (6), deverá ser entregue o hospital de campanha que o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde (Sespa), está erguendo no Hangar – Centro de Convenções. Serão mais 420 leitos disponíveis para tratar os pacientes infectados com o novo coronavírus em toda Região Metropolitana de Belém.

Ao todo, as autoridades estaduais esperam entregar 720 leitos a mais na rede pública, com hospitais de campanha construídos nas cidades de Santarém, no Baixo Amazonas, Marabá, no sudeste do estado, e Breves, na região do Marajó.

Até o final da tarde de ontem, cerca de 70% das obras no Hangar já haviam sido concluídas. O secretário de Estado de Saúde, Alberto Beltrame, acredita que até a próxima semana deve estar em funcionamento a estrutura. “O processo de montagem do hospital de campanha é extremamente rápido. Nós podemos testemunhar isso durante a montagem ocorrida no Hangar. Começamos a montar na terça-feira (31) e , na sexta (3), três dias depois, nós já temos 70% da estrutura montada. Nossa expectativa é que ele esteja pronto e montado até o dia 6, conforme foi contratado pela empresa. A mesma coisa acontece nos demais hospitais”, informa.

ESTRUTURA

Além dos 420 leitos, o hospital de retaguarda vai contar com postos de enfermagem e áreas para a higienização de saúde, dos cerca de 1.600 profissionais da saúde que devem compor a equipe responsável pelo atendimento ao público. Vale lembrar, no entanto, que a unidade não receberá pacientes que apresentarem sintomas e procurem a unidade em demanda espontânea. “O hospital de campanha serve para desafogar a rede hospitalar. Não é um pronto-socorro, um pronto-atendimento. Ele sempre será referenciado pelos hospitais. Nós temos quatro hospitais de retaguarda, 11 permanentes, melhor estruturados em 11 cidades que cobrem todas as regiões do Pará”, avisa Beltrame.

OUTRAS UNIDADES

As outras regiões do Estado também vão receber hospitais de campanha, que devem estar prontos até a metade de abril, época em que, segundo especialistas, a doença deverá atingir o pico no número de casos. “Em Marabá e Santarém começamos amanhã (hoje) e, em Breves, a balsa com o material para montagem saiu de Belém ontem (quinta-feira). Nossa expectativa é que no domingo (5) comece a montagem. Nossa expectativa final é que todos os hospitais de campanha estejam, prontos no dia 12 de abril, aí faremos a higienização final e começaremos a preparar o início do funcionamento para retaguarda dos hospitais”, reitera.

TUCURUÍ

O secretário Alberto Beltrame também informou que o Hospital Regional de Tucuruí passará por ampliação de leitos, incluindo reforço de equipamentos para atender os casos exclusivos do Covid-19. “Nós temos 11 hospitais regionais envolvidos nesse processo, que funcionarão para cuidados intensivos em leitos de UTI, assim como internação de média e baixa complexidade, se for o caso”.

Nesta sexta-feira (3), o governador Helder Barbalho foi pessoalmente ao Hangar fiscalizar o andamento das obras. Ao término, toda a estrutura será gerenciada por uma Organização Social. Mesmo diante da capacitação do Estado no combate ao novo coronavírus, o secretário continua ressaltando que o maior método de prevenção é o isolamento social. “A principal mensagem é ‘Fique em casa’. Proteja sua família de um risco desnecessário. Saia de casa apenas se for necessário e se proteja. Sempre lave as mãos com sabão e quando isso não estiver disponível, álcool em gel. Outra recomendação é a etiqueta da tosse. Proteja a boca e nariz no momento da tosse”, encerra.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend