Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 23 de October de 2019
Sistema Floresta

Serviços têm 5ª queda de 2019 em agosto, diz IBGE

Por Noticias ao minuto
Publicado em 11 de outubro de 2019 às 12:13H

Compartilhe:

O setor de serviços recuou 0,2% em agosto e chegou ao seu quinto resultado negativo do ano, informou nesta sexta-feira (11) o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) em divulgação de sua pesquisa mensal. 

A queda no setor de transportes foi uma das principais causas da queda na comparação entre julho e agosto de 2019, mas também na análise frente ao mesmo período do ano passado, já que esse item representa 30% dos serviços.

“Transportes estão em queda em todas as comparações, incluindo os índices acumulados no ano e em 12 meses. Sua grande aderência com a atividade industrial explica esse comportamento”, disse Rodrigo Lobo, gerente da pesquisa.

O IBGE viu a variação de agosto como moderada, mas ressaltou as quedas do setor em 2019. “As cinco taxas negativas foram mais intensas do que as positivas, fazendo o setor de serviços ficar 1,5% abaixo do nível de dezembro de 2018”, acrescentou Lobo.

O segmento de transportes registrou queda de 0,9% em agosto deste ano. Na comparação com agosto de 2018, teve recuo de 7,9%. No mesmo período, o setor recuou em 20 das 27 unidades da federação. 

Outro fator que definiu as quedas na comparação entre um ano e outro foram os números negativos em serviços profissionais, administrativos e complementares. Em agosto de 2019, o setor registrou -2,6%.

No acumulado de 2019, os serviços avançaram 0,5%, mas com perda de dinamismo frente aos primeiros sete meses de 2019 (0,8%), informou o IBGE nesta sexta-feira. 

Mais duas atividades pesquisadas pelo IBGE em agosto de 2019 registraram números negativos: serviços prestados às famílias (-1,7%) e outros serviços (-2,7%).

O IBGE ainda informou que o índice de atividades turísticas caiu 4,2% frente ao mês anterior, após alta de 0,2% em julho. Na comparação com agosto de 2018, a atividade recuou 2,9%. 

Os principais fatores que definiram os rumos da atividade turística em agosto foram a queda de receita das empresas de transporte aéreo e os registros positivos nos segmentos de locação de automóveis e de hotéis.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend