Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 06 de July de 2020
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

“Entre a economia e a vida das pessoas, eu sempre vou ficar com a vida das pessoas”, diz Helder em resposta a Bolsonaro

Por Dol
Publicado em 26 de março de 2020 às 00:24H

Compartilhe:
| Bruno Cecim / Ag.Pará

O governador do estado do Pará, Helder Barbalho, foi questionado por um jornalista, na noite desta nesta quarta-feira (25), durante uma coletiva ao vivo, sobre qual posicionamento adotaria diante do discurso do presidente Jair Bolsonaro de voltar as atividades normais durante a pandemia.

Em resposta, Helder disse: “Nós precisamos ter maturidade para que o contraditório possa conviver, eu posso conviver com o contraditório, agora não sou obrigado a concordar com o contraditório. Se o presidente pensa que agora é hora de voltar a normalidade, eu penso diferente. A minha obrigação primeiro, entre a economia e a vida das pessoas, eu sempre vou ficar com a vida das pessoas. Perdeu a vida, não tem segunda chance”, afirmou o governador. 

Helder disse também que o que prevalecerá são as orientações do governo do estado e que ele não vai abrir mão das medidas preventivas adotadas para quem quer que seja. “Fui eleito para dar satisfação para a população e é a população do Pará que darei satisfação, para Deus e para mais ninguém”, enfatizou.

MEDIDAS

Uma das medidas anunciadas pelo governo do estado está a entrega de 535 mil e 700 cestas a todos os alunos da rede estadual de ensino do estado, a partir da próxima sexta-feira (26). O objetivo desta ação, segundo o governador, é evitar que o estudante saia de casa para ir até a instituição de ensino se alimentar da merenda escolar, que continuava sendo disponibilizada mesmo após o fechamento das escolas para evitar a contaminação pela Covid-19.

Ainda em relação a medidas de combate ao coronavírus, o governador anunciou a compra de 400 kits para Unidade de Terapia Intensiva, incluindo respiradores. Os equipamentos foram adquiridos da China e a previsão de chegada em Belém é de até 15 dias.

O governador também falou sobre a campanha “Todos em casa pela educação” que será lançada na próxima segunda-feira (30), em parceria com a Secretaria Estadual de Educação (Seduc) e a TV Cultura, e levará aulas para estudantes do ensino fundamental e médio através do canal de televisão. Com início às 15h15, não só alunos de escolas estaduais, mas também de outras instituições poderão ter acesso ao conteúdo e adquirir conhecimento até a normalização do ensino presencial. 

Para reforçar a economia, em uma reunião com governadores de todo o Brasil nesta quarta, Helder sugeriu que o Governo Federal utilize parte de recursos do tesouro direto para injetar nas linhas de crédito, além de repassar aos estados. No Pará, na última terça-feira (24), o governador do estado anunciou três fundos de crédito afim de minimizar o impacto econômico provocado pela pandemia de Covid-19.Um deles, o Fundo Esperança, que oferece recursos de até 15 mil reais para micro e pequenos empreendedores, já possui 25 mil inscritos até a noite desta quarta-feira, as inscrições foram abertas há apenas dois dias.

A Arena multiuso Guilherme Paraense, conhecida como Mangueirinho, será aberta nesta quarta para abrigar parte dos moradores de rua que estão alojados no estádio do Mangueirão deste o último domingo (22). O objetivo da separação é evitar aglomerações e continuar enfrentando a pandemia do Covid-19.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend