Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 20 de January de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Parcelas da suspensão dos aluguéis poderão ser pagas em quatro vezes, diz Eletronorte

Por Floresta News
Publicado em 29 de abril de 2020 às 18:28H

Compartilhe:

Diante da crise econômica causada pela pandemia de Coronavírus, a Eletronorte decidiu suspender por 90 dias a cobrança das taxas de aluguéis das unidades residenciais das Vilas da Usina Hidrelétrica de Tucuruí. O período de suspensão da cobrança corresponde aos meses de abril, maio e junho do ano de 2020.

A informação foi divulgada na tarde desta terça-feira, 28. Durante esses três meses os inquilinos dos imóveis pertencentes à Eletronorte continuarão pagando apenas a taxa de serviços dos valores residenciais.
Segundo a assessoria de imprensa da Eletronorte, a empresa também aprovou a forma de quitação dos aluguéis acumulados, que não serão cobrados nos meses de abril, maio e junho, onde os inquilinos poderão efetuar o pagamento em quatro parcelas mensais, sendo a primeira parcela paga juntamente com o aluguel e a taxa de serviço de julho, com vencimento para 5 de agosto de 2020.

Nossa equipe perguntou para a assessoria de imprensa da Eletronorte se a adesão, com a suspensão dos pagamentos, será automática para todos os imóveis das Vilas Residenciais, ou se cada locatário terá que responder oficialmente a adesão, ou ainda se terá a possiblidade de não querer a suspensão, para aqueles que tendo condições de continuar pagando, não queiram acumular compromissos futuros. A Empresa respondeu que “é possível optar pela continuidade do pagamento. Inicialmente, como o boleto é gerado de uma vez, será encaminhada a taxa. Então estamos pedindo que as pessoas que fizerem essa opção entrem em contato pedindo a emissão do boleto complementar”, esclareceu a Eletronorte.

A Eletronorte forneceu um e-mail para os moradores das Vilas tirarem suas dúvidas:
[email protected]

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend