Carregando...
Ao Vivo
Carregando...
Tucuruí, 17 de January de 2021
Sistema Floresta
SBT Ao Vivo

Apuração das escolas de samba de Tucuruí termina em confusão e as 5 escolas declaradas campeãs

Por Floresta News
Publicado em 15 de fevereiro de 2018 às 15:09H

Compartilhe:

A apuração que definiria a grande campeã do carnaval 2018 em Tucuruí aconteceu durante a tarde desta quarta-feira, (15). As escadarias da Avenida Santo Antônio estavam lotadas de torcedores de todas as escolas.
Este ano vinte jurados participaram das avaliações. Uma das novidades do carnaval 2018, era que dois jurados julgavam o mesmo quesito e a menor nota era eliminada.
Tudo transcorria muito bem e faltando poucos envelopes a serem abertos, um dos presidentes notou um erro em um dos quesitos que já havia sido contabilizado. A descoberta gerou revolta de presidentes das escolas de samba e de torcedores.
A apuração chegou a ser suspensa para que a diretoria da Liga das Escolas de Samba de Tucuruí – Liestuc – pudesse entender o que estava acontecendo. Os presidentes de 4 das 5 agremiações deixaram a mesa de apuração em repúdio à situação. O clima ficou ainda mais tenso e a polícia teve que intervir para evitar mais confusão.
Segundo a Liestuc, um dos jurados contratados teria que julgar o quesito “harmonia”, mas riscou de caneta, escreveu a palavra “evolução” e deu nota para este quesito, acumulando três avaliações no quesito “evolução”. Assim, o quesito “harmonia” ficou apenas com um julgamento.
Poucos minutos depois a diretoria convocou os presidentes das escolas de samba para uma reunião de portas fechadas no prédio da Liestuc. Na sequência o presidente da Liga das Escolas, Léo Magno, declarou que, por conta do erro, as 5 escolas de samba foram declaradas campeãs.
Mas, os questionamentos em torno da decisão continuam espalhados por toda a cidade já que, segundo o regulamento – que foi anunciado por um dos diretores da Liestuc durante a apuração – em caso de uma rasura na ficha, ela deveria ser cancelada e todas as escolas receberiam a nota máxima no referido quesito.
Em entrevista ao programa Bom Dia, da Rádio Floresta, o diretor da Unidos da Jaqueira, Tácio Vilares, afirmou que irá entrar na justiça contra o resultado que aclamou todas as escolas campeãs, já que, segundo ele, o presidente deveria fazer valer o regulamento, dar nota 10 para todas as escolas naquele quesito e seguir com a apuração. Os representantes das escolas de Samba Unidos de Tucuruí, Império Matinhense, Estação Primeira da Colina e Acadêmicos do Getat, também em entrevista ao programa Bom Dia, falaram que diante do ocorrido a melhor solução foi a proclamação de todas as escolas campeãs do carnaval 2018 em Tucuruí.

Ao vivo
Floresta 104,7MHz
Carregando...

Send this to a friend